AMBIENTE

A Greendays encontra-se especializada e vocacionada para a proteção do meio ambiente, como a gestão de resíduos, estando inserida num mercado de elevado exigência regulamentar. A política da Greendays assenta nos seguintes princípios:
Assumir um compromisso com a qualidade de vida e o desenvolvimento sustentável através da implementação e manutenção do sistema de gestão integrado de Qualidade, Ambiente e Segurança.
Prestar sempre um melhor serviço aos clientes e às partes interessadas, valorizando-os e garantindo uma satisfação permanente, tendo em conta o cumprimento dos requisitos legais regulamentares aplicáveis ao nosso setor, através do seu reconhecimento e atualizações constantes.
Trabalhar com fornecedores e subcontratados que demonstrem serem capazes de atingir as especificações da Qualidade, do Ambiente e da Segurança exigidas, tendo em conta uma melhoria contínua.
Promover a motivação e a participação de todos os colaboradores da empresa, facultando os meios adequados para que realizem corretamente o seu trabalho, estimulando a capacidade de iniciativa, o trabalho em equipa, a formação profissional e a permanente competência e evolução técnica.
Contar com uma equipa dotada de profissionalismo nas actividades que desempenha no sistema de gestão integrada de Qualidade, Ambiente e Segurança (SGI), e promover as medidas necessárias à racionalização e otimização dos recursos disponíveis.
Comunicar esta política de Qualidade, Ambiente e Segurança que deve ser continuamente reajustada, a todas as partes interessadas para que possam compreender e cumprir com todos os compromissos que essa política estabelece.
Assumir um compromisso de prevenção da poluição através da minimização e monitorização das emissões atmosféricas, ruído, efluentes líquidos e resíduos, e ainda a racionalização do consumo de água e energia, bem como a adoção de medidas de higiene e segurança adequados à tipologia das diferentes instalações.
Adoptar todas as medidas apropriadas para assegurar a proteção dos seus trabalhadores, prestadores de serviços, subcontratados e visitantes, e ainda a monitorização permanente das condições de segurança deficientes, que porventura possam existir, a fim de estabelecer as ações corretivas adequadas.